Portal da Sustentabilidade
Compras Sustentáveis - Parte 05 - Final
Publicado em 06/03/2020

Este é o 5º e último artigo da série de Compras Sustentáveis. Se você perdeu os anteriores, basta acessar os textos na íntegra através do link: https://www.abntonline.com.br/sustentabilidade//ListaNoticias?cat=1

Compras são um instrumento poderoso para todas as organizações que queiram se comportar de forma responsável e contribuir para o desenvolvimento sustentável e para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas.

 

Encontrando informações para estabelecer os requisitos

 

No mercado há marcas, rótulos e certificações para identificar bens ou serviços que estejam conformes com critérios de sustentabilidade específicos. Estes critérios estão incluídos em normas técnicas que podem ser públicas ou privadas, nacionais, regionais ou internacionais.

 

Uma abordagem é especificar nos requisitos de compra que convém que os bens e serviços tenham as certificações, rótulos ou marcas designadas. Convém que seja dada a devida consideração ao número de fornecedores elegíveis, a fim de não limitar inadvertidamente a competição, dado que a disponibilidade dessas marcas e rótulos difere por indústria.

 

Avaliando se os requisitos de sustentabilidade são atendidos

 

Os procedimentos de avaliação envolvem atividades como a análise crítica de documentação, ensaios, inspeções, auditorias, certificação, sistemas de gestão, avaliação, declarações de sustentabilidade, rótulos e declarações, ou uma combinação destas.

 

Especificamente ao lidar com procedimentos de avaliação que incorporem rótulos ambientais, pode ser útil considerar três tipos comuns de rotulagem ambiental:

 

- ABNT NBR ISO 14024 Rotulagem ambiental Tipo I: envolve certificação de terceira parte e a concessão de um rótulo (por exemplo, aqueles reconhecidos pelo Global Ecolabelling Network) após a avaliação do produto e a demonstração da conformidade com critérios de liderança de desempenho ambiental acordados, que são baseados em considerações de ciclo de vida;

 

- ISO 14021 Rotulagem ambiental Tipo II: envolve declarações ambientais de conformidade de primeira parte de fornecedores, incluindo declarações, símbolos e gráficos, relativos a produtos;

 

- ABNT NBR ISO 14025 Rotulagem ambiental Tipo III: envolve validação de terceira parte de uma DAP (declaração ambiental de produto), que é a informação ambiental quantificada do ciclo de vida de um produto para possibilitar comparações com outros produtos que pretendam cumprir a mesma função.

 

Outras rotulagens têm um processo de verificação e certificação focando em um único aspecto (por exemplo, consumo de energia, florestas sustentáveis). Mesmo que a pertinência ambiental geral de rótulos seja mais significativa, porque estes consideram todo o ciclo de vida dos produtos, rótulos confiáveis e de terceira parte que abordam um único aspecto podem ser eficazes em focalizar problemas específicos.

 

Após ter sido atribuído o contrato, convém que sejam conduzidas avaliações contínuas adicionais.

 

Fonte: ABNT NBR ISO 20400, Compras sustentáveis - Diretrizes